Thursday, January 10, 2008

Obrigado, fizes-te renascer o blog

Ultimamente invadiram-me o blog, caiem em cima de mim como chacais á procura de algum osso onde possam rilhar e ter mais um pouco de carne. Mas a verdade é que não vão encontrar nada, não sei quem são tais criaturas, nem quero saber, porque sinceramente não me interessam. Acho irónico criticarem-me, quando nem sequer me conhecem, sou criticado por ser anarquista, por escrever da forma que escrevo, gostam de me criticar, escondidos por detrás de um nick ranhoso como achando que têm piada. Se sou assim tamanha besta, ainda não percebi porque dispensas o teu tempo comigo, afinal não sou assim tão grande besta.

Outra coisa, eu acho que quando não se está por dentro dos casos e se não se conhecem os factos não se deve falar, mas tu continuas a faze-lo e cais constantemente no mesmo erro. Antes de mais tu nem me conheces para vires para aqui com essa retórica barata. Apago-te os posts porque quem aqui vem não tem que levar com a tua retórica, não chores pelos posts que te apaguei e não te faças de vitima, coisa que pareces fazer muito bem.

O melhor, caís-te num erro primário, amigo quando aqui me vens ofender, não me prejudicas em nada, apenas dás mais visitas e mais exposição ao blog e desde já te agradeço por fazeres promoção ao meu produto, ( isto pareceu demasiado capitalista? provavelmente sim... ) Claro está, tu vês aquilo que queres, o bom não vês porque não te agrada, ou simplesmente não te convêm. Meu caro amigo ao que tu dizes faço eu ouvidos de mercador e sigo a minha vidinha, ao contrário de ti, porque se eu fosse ao teu blog e se te insulta-se tu provavelmente desancavas em mim o mais vasto rol de palavrões de que dispões. Não sejamos unilaterais e vejamos as coisas dos dois lados.

Tu, sejas lá quem fores, dizes que eu não sou ninguém para ofender o Eça, nem o Camões, nem muito menos uma professora de dizeres fascistas. Tal como dizes que eu sou um parvalhão e por ai fora, eu respeito-te tens a tua opinião, portanto se és tão grande admirador desses escritores e provavelmente de máquinas de controlo mental, que te bloqueiam a mente a cada hora que passas enfiado numa sala de aula, chamados stores, aceita a critica tal como o faço.

Um bem haja a tua felicidade, que nos últimos tempos parece ter sido afectada pela minha pessoa e mais uma vez peço-te desculpa por escrever ( uma ideia se não gostas do que escrevo, porque continuas a vir até cá? ). Identifica-te sê um homenzinho, respeita-me tal como te respeito a ti e tal vez possa voltar a falar contigo, até lá toma isto como um ponto final.

13 comments:

Wicked Jo said...

Gostava de saber quem te disse a ti que eu sou um "homenzinho" ou que não te conheço.Ao contrário do que insinuas, eu nao falo quando não estou "por dentro dos casos".Eu não tenho problema nenhum com o seres anarquista ou seja o k for, respeito isso, o k me incomoda é insultares as outras pessoas e gozares com elas(não só aqui no blog), o que demonstra a tua infantilidade.De facto desperdiço um pouco do meu tempo aqui, mas é apenas porque não consigo resistir a dar a minha opinião sobre tamanha ignorância, mas pelo menos os meus comments surtiram algum efeito visto que foram eliminados. I guess truth hurts....
"máquinas de controlo mental, que te bloqueiam a mente a cada hora que passas enfiado numa sala de aula, chamados stores" essa deixou me a rir durante horas, a sério, será que não tens mm mais nd p fazer k nao teorias da conspiração? sao simplesmente pessoas a fazer o seu trabalho que é ensinar matéria, e em alguns casos sao, sim, excelentes influências para os seus alunos. mas é claro que tu és tão arrogante que achas que não há nada p aprender afinal tu sabes td n é?uma coisa é RESPEITAR e outra é IDOLATRAR.E quanto ao "identifica-te" primeiro o verbo tá mal conjugado (deveria ser plural) e segundo: nunca pensei que fosses tão estúpido que ainda nao tivesses percebido mas conseguiste surpreender m.p fim, sim, eu digo k tu nao tens direito de insultar nem génios da literatura portuguesa (quer gostes da sua escrita ou n) nem uma professora que nunca expressou ser fascista (e se expressasse tu tinhas mais é que respeitar a sua crença política pois desde que ela não a imponha aos outros- coisa k nunca fez-n está, q eu saiba a prejudicar ninguem)
PS- P quem não tem Net p ir ao moodle, vens ao teu blog muitas vezes nao?

Wicked Jo said...

A propósito não tens de quê, afinal se não formos nós ninguém visita isto.

Wicked Jo said...

Só mais uma pergunta antes do tal ponto final (ou talvez seja só ponto e vírgula): Onde é esse tal estado de "Cúnéqueticúte"?fartei me de procurar no mapa mas não encontro...:(

João Fernandes said...

Enfim...

1 tu nem sabes de que stora estou eu a falar

2 não me venhas ensinar politica

3 tenta ler Chomsky, Emma Goldman ou Mikhail Bakunin e talvez te apercebas da realidade

4 tendo o blog 7000 visitas, nao parece andar assim tao mau

5 Muahahaha, que engraçado essa do cunicitutate, mas desde quando é que sou Jesus, rei dos judeus para estar livre de errar. Como queiras, sejam livres para comentarem o que quiserem aqui no meu canto de internet, de forma a tornar os meus dias um pouco melhor.

Wicked Jo said...

1- por acaso até sei
2-knd é k eu te tentei ensinar política?isso nem sequer faz sentido nenhum
3- ai k intelectual k ele é!!e agora queres um biscoito é?quer dizer o Eça e o Camões controlam as nossas mentes mas p ti o k outros autores dizem é a realidade logo...
4-tu proprio é k disses te k fizemos renascer o blog.k eu saiba só o k está morto é k pode renascer.
5- é claro k todos erramos mas se te consideras "um aluno muito bom a inglês" ao menos aprende a ler

João Fernandes said...

não percebo o profundo odio que sentes por mim, se pudesses será que me empalavas ou me regavas com ácido? aposto que sim... mal posso esperar pelo dia em que aprenda a ler, irá ser o melhor dia da minha vida, aí poderei ver que as escolas são locais belos de aprendizagem e que o mundo em que vivemos é perfeito, até lá sigo ignorante e um wannabe, é a vida. Um dia poderei ler Eça e Camões e dizer o quão lindo é, ou admirar as profecias de uma professora passada, até lá irei ouvir a minha musica de nojo e ler os meus livros de paranoia.

p.s.- como podes conhecer a stora, se ela foi minha stora há dois anos? wtf...

Alguém said...

Para ser sincera não gosto da tua maneira de ser e de agir acho que és infantil, convencido, mal-agradecido, e por ai fora, basicamente da para perceber que não te suporto, porque não nos conhecias e começas-te logo a gozar sempre que disséssemos alguma coisa, acho que para uma pessoa que pede para ser respeitado deve em primeiro lugar respeitar os outros. Não te estou a tentar ensinar nada nem o pretendo fazer, contudo falar mal de uma pessoa mais velha e com mais experiência de vida que tu, sinceramente acho que é algo que não é bonito de se fazer. Não me interessa a forma como escreves, se cometes erros de escrita ou não, porque para dizer a verdade eu também os cometo. Se és anarquista ou não, não me interessa mas respeito, embora que quando o soube e ainda agora riu-me sempre disso, no entanto acho que dizeres que Eça de Queirós e Camões controlam as mentes, como estou no meu direito acho que é uma estupidez. Realmente acho que tens um sotaque muito esquisito e fez me rir bastante e ainda agora me riu, com esta ultima parte da para perceber que és motivo de gozação pela minha parte e não só pela parte de muita gente também, no entanto sei que tu também me gozas sempre que tens oportunidade a mim e aos outros. Para terminar arrependo me mesmo ter votado na tua lista porque neste momento não fizeste nada de importante e interessante na associação de estudante que ajuda-se de alguma maneira a melhorar a escola que não vale nada.

P.S: peço desculpa se fui muito repetitiva e cansativa, mas isto foi só uma maneira de dizer as coisas que tinha que dizer mas que nunca tive a oportunidade de o fazer, visto que isto que a acabei de escrever gosto mais de o dizer de cara a cara.

S. said...

Não te conheço. Nada sei sobre ti. Por isso, não posso escrever acerca da tua personalidade. Porém, a verdade é que costumo estar minimamente atenta ao que escreves e gosto (da maior parte). O que realmente importa no teu blog são todos os teus textos, independentemente dos erros de vocabulário e da tua personalidade. A meu ver, num blog, deve-se comentar os textos que nele são publicados e não a personalidade de quem os escreve.

The Ninja said...

Concordo com tudo o que foi escrito por esse tal de alguem.
Como é que é possivel gozar com alguem que nao se conhece ou com quem nunca se travou uma conversa decente?
Cada um é como é e ninguem tem o direito de gozar seja com quem for.
Se aprendermos a respeitar os outros somos respeitados mas se não o fazemos então não esperes que te respeitem.

Fascista said...

Concordando até com o "S"...
Um verdadeiro blog expressa, de uma forma totalmente clara, a mentalidade de uma pessoa e, não achando, ou melhor, não conseguindo aceitar a incoerência, não textual, mas sim intelectual dos mesmos sinto-me, com todo o direito, de o criticar: textual e pessoalmente.
Acho fantástico o discurso que se tem feito, no minimo, cómico, e, lamento, mas vejo-me obrigado a identificar com grande parte dele [contrário ao do "postador"].
Quanto ao assunto AE, e tendo eu conhecimento de causa do assunto, resumo em apenas uma palavra: DESILUSÃO.
"Roma não se fez num dia", mas foi sendo construido pedaço por pedaço, e, lamentavelmente, não vi um único a aparecer.
É triste!!

p.s. Atingir a Hipocrisia para conseguir votos é, sem dúvida, muito triste

Fascista said...

Pesso desculpa pela minha incoerencia textual, por nada mais!

Wicked Jo said...

n sei d onde tiraste a ideia d que tenho um profundo ódio por ti já que manifestei até q t respeito. também nunca disse q o mundo é perfeito ou q devias adorar Eça e Camões e nem sequer referi a musica q ouves! simplesmente estava a expressar a minha opinião sobre ti e o q escreves visto que, supostamente, a ideia de um bolg é q o q escreves é público, isto é, todos podem ler e comentar.mais uma vez, eu só acho que tu não dás as tuas opiniões de forma a respeitar os outros pois nao é só aqui que gozas com as outras pessoas.Aliás tudo te serve de motivo p gozares à força td com os outros incluindo pessoas com quem nunca sequer falaste (como "alguem" disse).podes dizer o k quiseres m p mim isso chama se infantilidade e falta de educação.

Herói Anarquista said...

Até agora tenho-me divertido imenso a ler esta conversa, ou troca de piropos. concordo com tudo o que tem sido dito aqui e por isso assino em baixo. Fiquei surpresa ao ler que não te tinhas referido a nenhuma professora deste ano mas sim a uma que te deu aulas à dois anos. Bem, a isso digo just let it go águas passadas não movem moinhos nunca ouviste? Foca-te no presente e no futuro do corpo estudantil que te elegeu e no qual infelizmente me incluo. Acho que tens que te habituar a receber este tipo de criticas uma vez que vais recebê-las ao longo da tua vida se continuar com as atitudes infantis que tens tido ultimamente. Eu não sou ninguém para julgar mas estou no meu direito de me expressar e por isso digo-te que apenas as mentes fracas se deixam formatar pelo sistema e se ainda não tinhas reparado ninguém que aqui comenta tem mente ou opiniões fracas.Por isso se formos capitalistas ou anarquistas, ou se concordamos contigo ou não, bem isso é só para cada um de nós sabermos mas nunca tentes superiorizar a tua crença pois se fosse assim tão boa já estaria implementada não achas???
Primeiro vê o que está mal contigo e com os teus e só depois critica. Foi isso que nós fizemos...